Pages Navigation Menu

DITOS & ESCRITOS

PÓS ELEIÇÃO E DEMOCRACIA

Eleitores de Bolsonaro comemorama a vitória

O ódio e a intolerância, manipulados de forma vil entre os dois extremos ideológicos, conseguiram seu intento. Derreteram o centro democrático, forçando um segundo turno radicalizado; agudizaram a paranoia entre os militantes, numa insensata prática política onde aqueles que pensam diferente, mesmos os que, por escrúpulos éticos, se abstiveram de dar seu voto a qualquer umas das partes radicais, são agora adversários.

Bolsonaro é o novo presidente eleito e não creio que tenhamos uma quantidade tão grande de fascistas no país. Recuso-me a ver o próximo governo como uma catástrofe anunciada. Torço pela governabilidade e pela gestão para todos. O resto é saldo do acirramento da campanha, muito importante como mecanismo de defesa do PT, manter a militância alienada da realidade, agora que a Lava Jato apertará ainda mais suas garras contra a corrupção.

Conquistas e valores civilizatórios universais como o respeito as minorias e a diversidade humana devem ser protegidas, a todo custo, por meio da Lei. Vivemos uma democracia e não um Estado de Exceção. Agora é hora de serenamente acalmar os ânimos e quem for de oposição que a exerça, buscando a racionalidade e a competência política. O resto é fantasia, nefasta para a democracia, posto que tem a forte marca da intolerância, de ambos os lados.

Recife, novembro de 2018

***

João Rego
Ditos & Escritos
É engenheiro, consultor, mestre em ciência política com formação em psicanálise.
www.joaorego.com/politica

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *