Pages Navigation Menu

DITOS & ESCRITOS

O XAMÃ DO AGRESTE

Posted by on out 24, 2014 in Infância | 0 comments

A mãe de Jânio tinha um olho de vidro. Todas as vezes que ia brincar com ele em sua casa, ficava meio arredio quando ela se aproximava de mim.

Read More

A FINCA, A RODA E A ESPADA.

Posted by on out 15, 2014 in Infância, Política e sociedade | 0 comments

À sombra do frondoso pé de Ficus Benjamim, olhando para a Praça Cel Porto, quatro meninos se esmeram para ter as suas fincas afiadas. Rec, rec, rec. Arrastam o pequeno pedaço de ferro de quinze ou vinte centímetros na calçada.

Read More

PAI.

Posted by on out 7, 2014 in Infância | 0 comments

Ele havia chegado de uma caçada. Mal esperou para me pegar e ficar brincando comigo, me arremessando com segurança no ar, para logo depois me apanhar. Ele, deitado no sofá azul e eu, aos dois anos, em êxtase, invadido por uma alegria incontida de estar voando

Read More