Carta para Joana Rego, minha neta.

jul 1, 2014 by

João Rego, Recife, 24 de outubro de 2011.

Quando você veio ao mundo nos encheu de apreensão, pois no quinto mês da gravidez de sua mãe os médicos identificaram que você tinha uma má formação na coluna.

Eles chamam isso mielomeningocele, ou espinha bífida. Com esta má formação você vai ter que enfrentar mais desafios que as outras crianças, diante da vida.

Com o diagnóstico, seus pais, Ricardo e Fernanda, e seu irmão Vinicius sofreram muito pois havia uma série de seqüelas que poderiam afetar seu corpinho, dificultando muito a sua vida, a medida que fosses crescendo. Seus avós também sofreram muito, pois sofriam pelos seus pais e por você.

As incertezas eram muitas, poderia ter hidrocefalia, doença que faz crescer seu crânio e aí teria que colocar uma válvula para drenar o líquido; problema na bexiga e dificuldade motora nos membros inferiores, já que seu problema era na parte inferior da coluna.

NASCIMENTO

Seus pais prepararam uma grande cenário para lhe acolher, sabíamos que você teria que ser operada assim que nascesse, para fechar o buraquinho que deixara escapar os nervos. A operação foi um sucesso mas você teve que passar uns quinze dias na UTI, recebendo todos os cuidados para seu corpo superar a cirurgia.

Desde esta idade que você tem uma agenda cheia, pois precisa fazer fisioterapia, terapia ocupacional, visitas freqüentes à neurocirurgiã, visita ao médico que cuida da bexiga…agora natação corretiva……ufa!

Pode parecer muito mas é necessário, e sabe de uma coisa? Devagarinho estas suas atividades vão entrando nas nossas vidas de forma quase que natural. Todos da família ajudam, sempre que necessário, pois seus pais trabalham muito.

A ESCOLA

Começaste na escola aos seus dois anos, usando sua botinha, que o especialista chama de ortesis e, a princípio, você estava um pouco tímida pois – creio eu – percebia, agora de forma mais evidente sua diferença com relação ao outro.

Hoje, aos três, você exerce uma certa liderança entre seus colegas e mais, já anda sem ter que contar com o apoio das paredes – só de vez em quando.

O primeiro relatório da sua tia da escola nos encheu de forte emoção, pois ela retratou sua personalidade e sua evolução em apenas um semestre de escola.

Bem…. estou escrevendo porque sua mãe e seu pai  me pediram para fazer um blog para que eles pudessem dizer ao mundo da experiência de ter você como filha e de como isto é importante para eles. Com a internet podemos, por meio deste blog, ajudar as pessoas que estão passando pelo que seus pais passaram, dando força e compartilhando as conquistas e as alegrias que você nos dá a cada dia.

TEU AVÔ

Deixe eu falar um pouco de mim. Sou muito inquieto intelectualmente. Já estive envolvido com engenharia eletrônica, ciência política, psicanálise e hoje sou consultor de empresas na área de estratégia e competitividade. No fundo acho que amo a vida e tenho uma sede de vivê-la com intensidade. .. as vezes exagerada. Eu também tenho um blog, para que você e seu irmão, e também os priminhos que vierem, quando tiverem maiores, conhecessem um bocado de coisa que escrevi . Lá tem coisa que amei, criei e sofri, enfim, um pouco de vida. Aí você poderá me conhecer melhor.

SOBRE O CORPO E O ESPÍRITO

Joana, todos estes exercícios que você faz é uma forma de fortalecer seu corpo. O amor que seus pais, seu irmão e toda a família que lhe envolve é uma forma de fortalecer seu espírito. Não falo aqui de espírito no sentido religioso, pois tenho outras crenças. Falo sim do espírito humano no sentido filosófico.

Nós, seres humanos, somos capazes de fazer coisas fantásticas, mas também coisas más.

Existe um caminho muito bacana para alimentarmos o espírito que é a leitura e a reflexão sobre o que lemos. Ler é uma viagem intensa e transformadora do espírito humano. Num livro posso me deparar com o complexo pensamento de Hegel; posso me impressionar  com ó ódio mortal do capitão Ahab contra Moby Dick; posso conhecer a compulsiva demanda de afeto de Drácula em Bram Stoker; em Freud me deparo com a mais completa compreensão da aventura humana; posso compreender, na leitura dos livros religiosos, o grito angustiado da humanidade em busca de um Deus, que nos responde com seu silêncio eterno.

Tenho muitos livros – quando você estiver adulta talvez os livros estejam todos dentro do mundo digital -, e já li, pensei, e sofri muito sobre o ser humano e seus destinos. Se tornou em mim um hábito muito saudável, que cultivo a cada dia.

Tento estimular isto para seu irmão, como tentei passar para seu pai e seus tios.

Vinicius, seu irmão, gosta de mitologia e agora está lendo Conan  Doyle. Está encantado com Sherlock Holmes. Vini está com 12 anos e diz que quer estudar direito. Tenho um orgulho danado dele, pois ele é todo filosofo e conversamos muito sobre estas coisas.

Mas voltando ao espírito. Nunca, jamais se deixe abater por ter alguma limitação no teu corpo pois ele é secundário com relação ao seu espírito. Este sim, é valioso e dá muito mais trabalho para ser forjado. Use toda a sua existência para fortalecê-lo, guiando-o através de ações, para externar seu amor pela humanidade.

TEU ABRAÇO

Desde novinha que me abraças de uma forma intensa. Sei que estás me comunicando teu afeto por mim e isso me comove,… muito.

E hoje, tu que fostes um motivo de enorme apreensão, quando estavas ainda na barriga da sua mãe,  em tão pouco tempo -, três anos apenas-, se transformou nesta criaturinha cativante e linda tornando nossas vidas mais belas e leves.

Teu avô João Rego.

DITOS & ESCRITOS
João Rego
joaorego.com

إيروس وثانتوس

 

 

 

Related Posts

Tags

Share This

0 Comments

Trackbacks/Pingbacks

  1. Finis Africae, minha biblioteca.   | João Rego – Ditos & Escritos – Administração Estratégica, Inovação e Gestão do Conhecimento - […] Ler é uma viagem intensa e transformadora do espírito humano. Num livro posso me deparar com o complexo pensamento…

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *